Livro Disputas Metafísicas XXVIII - XXIX - XXX | Francisco Suarez | Edição Bilíngue | Capa Dura

Clique no botão ao lado para assistir o video relacionado ao produto.

Assistir Video

Livro Disputas Metafísicas XXVIII - XXIX - XXX | Francisco Suarez | Edição Bilíngue | Capa Dura

Código: 6KJBZHGZU
2x de R$ 120,00
R$ 300,00 R$ 240,00
Comprar Estoque: Disponível
    • 1x de R$ 240,00 sem juros
    • 2x de R$ 120,00 sem juros
    • 3x de R$ 87,50
    • 1x de R$ 240,00 sem juros
    • 2x de R$ 125,40
    • 3x de R$ 84,83
    • 4x de R$ 64,55
    • 5x de R$ 52,39
    • 6x de R$ 44,28
    • 7x de R$ 38,50
    • 8x de R$ 34,17
    • 9x de R$ 30,80
    • 10x de R$ 28,12
    • 11x de R$ 25,92
    • 12x de R$ 24,09
  • R$ 240,00 Pix
  • R$ 240,00 Boleto Bancário
  • R$ 240,00 Entrega
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

Título: Disputas Metafísicas XXVIII - XXIX - XXX
Edição: 1a.
Ano: 2023
Autor: Francisco Suarez
Tradutor: Cesar Ribas Cezar
Páginas: 768
Formato: 18 x 28 cm
AcabamentoCapa Dura
ISBN: 978-65-86224-45-0

BAIXE UMA AMOSTRA DO LIVRO >>AQUI<<.

A Editora Madamu lança mais um volume das Disputas Metafísicas de Francisco Suárez. Agora o leitor brasileiro tem acesso às disputas 28, 29 e 30, com a demonstração da existência de Deus. Em edição bilíngue latim-português, o volume reúne as 3 Disputas traduzidas pelo prof. Cesar Ribas Cezar, que também assina o estudo introdutório. Em capa dura e formato grande, a edição tem 768 páginas e segue o mesmo padrão gráfico do volume anterior (disputas 1-3). Francisco Suarez, jesuíta espanhol e renomado professor, é considerado o mais representativo elo entre a escolástica medieval e o pensamento moderno, sobretudo no que se refere à metafísica, que ele sistematizou em sua obra Disputationes Metaphysicae.

Eis porque as Disputas Metafísicas de Francisco Suarez estão, seguramente, entre as obras mais importantes da filosofia ocidental. Elas alimentaram e inspiraram Descartes, Leibniz, Grotius, Berkeley, Vico, Schopenhauer, Brentano e Heidegger, entre muitos outros. Não foram lidas e estudadas só nas escolas e universidades católicas, mas também nas universidades protestantes alemãs e holandesas. Tal fato mostra que a pretensão de apresentar uma obra de metafísica dentro dos limites da razão natural foi amplamente aceita. Não é, portanto, arbitrário o título dado ao mestre de Coimbra por Heerebord: omnium metaphysicorum papa atque princeps (papa e príncipe de todos os metafísicos).

SOBRE O AUTOR
Francisco Suarez nasceu em 5 de janeiro de 1548, em Granada, no seio de uma família abastada. Desde a juventude foi encaminhado para a carreira eclesiástica, iniciando os seus estudos em Granada. Em 1561 (aos 13 anos de idade) entra na Universidade de Salamanca, para estudar direito canônico. Solicita a entrada na Companhia de Jesus, que lhe foi recusada, com base em dois argumentos: a incapacidade intelectual de Suarez e a sua débil saúde. Em 1564 é admitido a título experimental. Apesar das maiores dificuldades de aprendizagem se refletirem no estudo da filosofia, Suarez viria a terminar brilhantemente os cursos de filosofia e teologia.

Em 1571 é designado professor de Teologia do Colégio dos Jesuítas, em Segóvia, cidade onde é ordenado sacerdote em 1572. Entre 1547 e 1580 ensina teologia sucessivamente em Valladolid, Segóvia e Ávila. Em 1580 é chamado para ensinar teologia no Colégio Jesuíta de Roma, onde permanece até 1585, tendo sido obrigado a regressar a Espanha, por motivos de saúde. Nesta data, substitui Gabriel Vazquez em Alcalá, o qual, por seu turno, ocupará o lugar que Suarez deixara em Roma. Em 1593 volta a Salamanca. Neste período, começa a editar as suas obras de teologia e a preparar a publicação das Disputationes Metaphysicae, cuja editio princeps data de 1597. Por ordem de Filipe II de Espanha, I de Portugal, é designado para ensinar em Coimbra e ocupar a Cátedra de Prima de Teologia, onde permanecerá entre 1606 e 1615. Morre em Lisboa, em S. Roque, a 25 de setembro de 1617.

SOBRE O TRADUTOR
Cesar Ribas Cezar possui graduação em Direito pela Universidade de São Paulo (USP, 1992), graduação em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP, 1993), mestrado em Filosofia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP, 1996) e doutorado em Filosofia, Teologia Católica, Letras Clássicas (latim) pela Universidade de Bonn (Rheinische Friedrich-Wilhelms Universität, 2003). É professor associado da Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP, e atua no estudo do pensamento escolástico, em especial de Tomás de Aquino, João Duns Escoto e Francisco Suárez.

 

Publicou as seguintes obras: Compreender Scotus (Loyola, 2014), Scotus e a liberdade: textos escolhidos sobre a vontade, a liberdade e a lei natural (Loyola, 2010), Das natürliche Gesetz und das konkrete praktische Urteil nach der Lehre des Johannes Duns Scotus (Kevelaer: Butzon und Bercker, 2004), O conhecimento abstrativo em Duns Escoto (EDIPUCRS, 1996).

2x de R$ 120,00
R$ 300,00 R$ 240,00
Comprar Estoque: Disponível
Sobre a loja

Editora de Livros de Filosofia, Ciências Humanas, História e Literatura Clássica, entre outros. Impressão sob demanda e venda exclusiva pela internet. Os livros são enviados pelos Correios, ou podem ser retirados em nosso escritório, com horário agendado, na rua Rua Terenas, 66, conjunto 6, Alto da Mooca, São Paulo, SP.

Pague com
  • Pagali
  • Pix
  • PagSeguro
Selos

Toledo de Oliveira & Cia Ltda ME - CNPJ: 10.803.818/0001-04 © Todos os direitos reservados. 2024


Para continuar, informe seu e-mail

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência em nosso site. Para saber mais acesse nossa página de Política de Privacidade